Translations of this page:

SIGHabitar: Um sistema de inteligência de negócios para a gestão municipal

O que é o SIGHabitar?

O SIGHabitar é um conjunto de programas de computador que qualquer município pode utilizar para coletar, integrar, visualizar e analisar dados que servirão ao gerenciamento e ao planejamento do município. No desenvolvimento do software foram utilizadas tecnologias livres, mundialmente reconhecidas e largamente utilizadas. Por meio dos programas desenvolvidos é possível promover:

  • uma tributação mais eficaz e justa;
  • o uso racional dos recursos municipais;
  • a manutenção e o desenvolvimento de serviços mais eficientes.

Por exemplo, é possível dimensionar os serviços de saúde, segurança e educação, manter atualizado o cadastro de imóveis, planejar ações da defesa civil, do corpo de bombeiros, das secretarias de trânsito e obra. Além, de gerenciar o uso dos recursos naturais e a coleta de resíduos.

O software veio para atender às recomendações do Ministério das Cidades, que no ano de 2009 criou a portaria 511, com diretrizes para criar, instituir e manter o Cadastro Técnico Multifinalitário no território nacional. Com essa iniciativa, Ouro Preto nas questões de modernização e eficiência na gestão urbana, possui uma poderosa ferramenta, que não existe na grande maioria dos municípios brasileiros. Conforme uma pesquisa realizada pela Fundação Getúlio Vargas em 2007, dentre 3359 municípios avaliados, somente 2,82% ou 95, foram considerados eficientes na gestão urbana.

O sistema SIGHabitar inova ao fornecer métodos sistematizados e ferramentas de automação destinados à construção e a manutenção de um CTM arquitetado como um sistema de inteligência de negócios.

O software foi implantado na cidade de Ouro Preto, Minas Gerais, e na primeira etapa do trabalho de campo, 82% dos imóveis existentes no cadastro imobiliário da prefeitura foram integrados ao banco de dados geográficos. Além disso, houve um aumento de 27% de imóveis no cadastro imobiliário. Abaixo podemos ver o trabalho de campo realizado na cidade em uma parte da cidade de Ouro Preto.

A análise de dados espaço-temporais são baseadas em ferramentas que combinam técnicas de mineração de dados, OLAP e GIS. Elas são integradas a ferramentas como Google Maps, Google Earth e Microsoft Bing e permitem ao decisor analisar séries temporais de mapas que mostram medidas agregadas a cerca de suas regiões de interesse. Por exemplo, a média de crimes por bairro, o soma do número de casos de dengue por setor censitário, o IPTU mínimo e máximo de determinadas regiões, etc. Abaixo, temos os relatórios de medidas espaciais e de análise temporal da região em estudo.

A figura a seguir mostra um relatório no qual uma série temporal de mapas gerados por uma das ferramentas de análise desenvolvidas neste projeto. É possível observar a evolução do valor do IPTU nos anos de 2009, 2010 e 2011 para a região próxima à UFOP, conhecida como “Bauxita”.

O sistema está implantado na Prefeitura Municipal de Ouro Preto. Hoje, a cidade está entre a seleta minoria que tem uma Gestão Municipal eficiente. Para mais informações sobre o projeto acesse o blog do Terralab

Software

O software roda em plataformas(98, XP, Vista, e Windows 7).

Documentação

Tutoriais

Ferramentas

KMLMaker

Esse aplicativo foi construído sobre a plataforma android 4.0, e é utilizado para coletar informações espaciais (coordenadas x e y) e descritivas dos imóveis (nome da via, número, complemento, bairro, tipo do imóvel e observações adicionais). Para coletar informações espaciais o KMLMaker possui como plano de fundo a ferramenta Google Earth e Bing Maps. A informação descritiva é informada pelo usuário,que possui total controle sobre as planilhas. Ao término do trabalho de campo, é gerado um arquivo com extensão .KML, que contém todas as informações coletadas. Existem duas versões desse aplicativo, uma versão FREE que precisa de uso de redes móveis como 3G ou 4G, que também se mostrou muito eficiente pela qualidade da coleta,tempo reduzido, e pela criação de formulários de endereçamento, base de mapas GoogleMaps. Desenvolvemos também uma versão PROFISSIONAL, onde é possível realizar o mapeamento dispensando o uso de qualquer tipo de Rede Móvel, os mapas são previamente carregados em memória cache e ficam disponíveis para o usuário, novas ferramentas, maior mobilidade de dados, formulários dinâmicos,se mostrando muito eficiente, poderosa e precisa no mapeamento de campo e levantamento censitário, podendo ser usada também para qualquer tipo de mapeamento.

Customizamos para qualquer tipo de uso.

Maiores informações sobre o KMLMakerPro entre em contato tab1terralab@gmail.com.

KMLMaker Free


KMLMakerFree

KMLMaker Pro


KMLMakerPro

Geokettle

Suponhamos que todos os dados levantados foram padronizados e inseridos em um CTM e, posteriormente, associados à informações provenientes de outras fontes de dados da prefeitura. Antes, porém, para que a associação ocorresse de maneira correta, os dados do município foram corrigidos. Por exemplo, em Ouro Preto a rua “Conde de Borbadela” é conhecida popularmente como rua “Direita”. Contudo, muitas vezes os registros e documentos mantidos pelo municipio se referem a esta rua como rua “Conde Borb.”, rua “Dir.”, ou rua “Direita”. Então, para que os dados possam ser associados, a equipe da prefeitura pecisa definir o nome que será utilizado pelo CTM e corrigir os dados antigos da prefeitura. Esse processo pode ser automatizado e é representado pelos fluxos ETL utilizando-se a ferramenta Geokettle.

Para saber mais sobre o Geokettle acesse Getting Started.

Demos

Para efeito de demonstração, disponibilizamos todos os arquivos necessários para geração de relatórios utilizando o plugin DW_ReportMaker. Faça download arquivo op_sede_sample.rar e posteriormente a restauração do banco de dados conforme tutorial. Abra o SIGHabitar e veja que todos os layers necessários já estarão disponíveis para utilização.

* op_demonstracao

Papers e Teses

Sobre

O SIGHabitar é fruto de um convênio entre a Prefeitura Municipal de Ouro Preto e a Universidade Federal de Ouro Preto - UFOP, representada por seu Departamento de Computação - DECOM.


In Other Languages
Translations of this page: